quarta-feira, 22 de abril de 2015

Este dispositivo pode fritar um computador em segundos

USBKiller

A descrição deste dispositivo USB foi publicada em primeiro lugar no site russo Habrahabr pelo seu criador e tem um único objectivo: queimar completamente os componentes de um computador.

Segundo o site Kukuruku Hub que traduziu o artigo original do russo:

Quando se liga o dispositivo a uma entrada USB, um inversor de corrente contínua (inverting DC/DC converter), começa a funcionar para carregar os condensadores até chegar aos -110V. Quando a voltagem é atingida, o inversor é desligado e ao mesmo tempo, os -110V são injectados nas linhas de dados da interface USB. Quando a voltagem nos condensadores chega aos -7V, o inversor é ligado outra vez, repetindo o processo até que o computador deixe de funcionar.

Não está provado se o dispositivo consegue destruir todos os componentes de um computador, mas, pelo menos, a entrada USB não fica intacta.

Já há pedidos para que o autor inicie uma campanha no Kickstarter para produzir e comercializar este dispositivo.

fonte: PCGUIA