quinta-feira, 23 de abril de 2015

Chuva de estrelas das Líridas pode ser vista no céu noturno... e no computador


Fotografia © Arquivo/AP Photo/Kyodo

Esta noite, a chuva de meteoros das Líridas chega ao seu pico, por volta da uma da manhã. Mas se as luzes da cidade ou as nuvens não o deixam ver, descubra como pode contar meteoros online.

A partir da segunda metade da noite de 22 para 23 de abril, a chuva de meteoros das Líridas vai atingir o seu ponto de maior intensidade. A chuva de meteoros começou no dia 16 de abril e prolonga-se até dia 25.

A chuva de meteoros acontece anualmente nesta altura, quando a trajetória da Terra se cruza com os restos de poeira deixados pela passagem do cometa Tatcher. As partículas deixadas quando o cometa passou entram na atmosfera e tornam-se incandescentes, criando o efeito de chuva de meteoros.

Na noite de 22 para 23 de abril, por volta da uma da manhã, a chuva de meteoros vai atingir o seu ponto de maior intensidade, em que poderão ser vistas cerca de 18 "estrelas cadentes" por hora, nas condições ideais.

Se o céu, por causa das luzes da cidade ou do estado do tempo, não o deixar ver a passagem das Líridas, é possível ver a chuva de estrelas online, a partir da uma da manhã de dia 23, aqui.

O nome desta chuva de meteoros, conforme explica o Observatório Astronómico de Lisboa, vem do facto de que os rastos dos meteoros parecem ter origem na constelação da Lira.