quinta-feira, 30 de julho de 2015

General de Divisão Russo: “Os OVNIs são reais e sabemos como atraí-los!”


General de Divisão, Vasily Yeremenko

Os russos têm alegado que podem predizer quando os OVNIs irão aparecer, e que podem até mesmo atraí-los. Eles alegam que a actividade dos OVNIs aumenta quando testes de armamentos em grande escala ocorrem, e eles têm mensurado a actividade de OVNIs desta forma.

De acordo com Vasily Yeremenco, um General de Divisão da reserva e membro da Academia de Segurança de Defesa e Imposição da Lei:

“Podemos dizer que aprendemos a evocar os OVNIs em Vladimirovka. Para fazer isto, dramaticamente aumentamos o número de voos militares e movimentação de equipamentos. Se a intensidade do nosso lado aumentava, os OVNIs apareciam com a probabilidade de 100%.“

Os russo chegaram a três conclusões principais:

A ciência moderna ainda não é capaz de identificar o fenómeno.

Os OVNIs poderiam ser drones de vigilância dos Estados Unidos ou Japão.

Os OVNIs poderiam ser actividade extraterrestre.

De acordo com Svobodnaya Pressa, um site de notícias, a Marinha Russa possui agora registos liberados de encontros com objectos não identificados, que superam tecnologicamente tudo já construído pela humanidade.

Um grupo especial da Marinha, liderado pelo Vice Comandante Almirante Nikolay Smirnov, recolheu informações de relatos de objectos não identificados, submetidos por submarinos e navios militares.

De acordo com Vladimir Azhazha, um pesquisador de OVNIs e oficial reformado da marinha:

“Cinquenta por cento dos encontros com OVNIs estão conectados aos oceanos. Cinquenta mais com lagos. Assim, os OVNIs tendem a ficar próximos da água.“

Segundo um relatório, um submarino nuclear numa missão de combate detectou seis objectos desconhecidos o seguindo. Após não conseguir despistar os objectos, o capitão ordenou que o submarino fosse à superfície. Os objectos seguiram, saíram da água e voaram para longe em alta velocidade.

Em 1982, um grupo de mergulhadores militares que estavam treinando no lago Baikal viram um grupo de seres humanoides vestidos em roupas prateadas. Apesar tentarem capturá-los, três dos mergulhadores morreram e quatro ficaram feridos.

Segundo Igor Barklayof, Capitão de Primeira Classe da Inteligência da Marinha:

“Os OVNIs nos oceanos muitas vezes aparecem se nossas esquadras da OTAN se concentram, próximos das Bahamas, Bermudas, Porto Rico. Eles são vistos, pela maior parte, nas partes mais profundas do Oceano Atlântico, na parte sul do Triângulo das Bermudas, e também no Mar das Caraíbas.”


fonte: OVNI Hoje