quarta-feira, 17 de junho de 2015

Microsoft cria drone para caçar mosquitos e travar malária e dengue


"Projeto Premonição", promovido pela multinacional fundada por Bill Gates, propõe-se a erradicar epidemias como a malária e o dengue com um exército de máquinas voadoras.

São usados em cenários de guerra, para bombardear posições militares, ou para fazer filmagens, mas dentro de meia década osdrones poderão vir a ser uma ajuda fundamental no combate a doenças como a malária ou o dengue.

Esta é a missão que a Microsoft quer patrocinar ao criar um exército de drones para combater os mosquitos que disseminam estas doenças. A iniciativa inovadora concebida pela multinacional de software fundada por Bill Gates foi apresentada na TechFair, em Washington (Estados Unidos), na passada semana (depois de meses de planeamento e testes em Granada, nas Caraíbas), e tem como objetivo fazer de forma mais eficiente e menos dispendiosa a captura e análise dos mosquitos portadores, de modo a prevenir a infeção das populações e num futuro mais ou menos distante contribuir para a erradicação destas epidemias.