quarta-feira, 17 de junho de 2015

Homem morto por tigre que escapou de zoo nas inundações de Tbilissi



As inundações de domingo destruíram parte do jardim zoológico de Tbilissi e muitos animais, como leões, tigres e hipopótamos, escaparam do recinto.

Um homem foi morto esta quarta-feira em Tbilissi por um tigre que fugiu do jardim zoológico durante as inundações que afetaram a capital da Geórgia no fim de semana. A vítima foi atacada perto da praça central da cidade, antes de ser morto pelas forças especiais da polícia que estavam a tentar capturá-lo, disse um porta-voz do ministério da Administração Interna do país.

Os primeiros relatos falavam num leão, mas segundo uma testemunha disse a um canal local foi um tigre branco.

As inundações de domingo, que causaram a morte a pelo menos 12 pessoas, destruíram parte do jardim zoológico daquela cidade e muitos animais, como leões, tigres e hipopótamos, escaparam do recinto. Segundo os média locais, o leão estava escondido num armazém.

No entanto, no dia anterior, as autoridades tinham garantido que todos os leões e tigres tinham sido encontrados mortos e que faltava apenas encontrar um jaguar.

A porta-voz do jardim zoológico de Tbilissi, Mzia Charachidze, disse ontem que o balanço do zoo é trágico: oito leões e todos os sete tigres do zoo, que tinham desaparecido depois das cheias, foram encontrados mortos. Pelo menos dois dos três jaguares tão morreram e só dois dos 14 ursos sobreviveram.