sábado, 8 de fevereiro de 2014

Tigre fêmea que só ataca homens já fez nove vítimas


Autoridades indianas estão preocupadas com o fenómeno.

As Autoridades Indianas confirmaram esta sexta-feira a morte de mais uma vítima de um tigre fêmea. Este felino já devorou nove pessoas do sexo masculino na região.

O animal já é conhecido como "devoradora de homens".

Um funcionário local, no distrito de Bijnor, India, afirmou que a última vítima era um jovem camponês que se deslocou até à floresta do Parque Nacional Jim Corbett, no Estado de Uttar Pradesh, e já estava desaparecido desde quinta-feira, dia 6 de fevereiro.

Toda esta história do tigre fêmea devorador começou a 29 de Dezembro do ano passado, quando o felino assassino matou um agricultor de 20 anos.

A captura do animal continua complicada para as autoridades, já que a densa floresta tem facilitado o esconderijo do tigre.

A Índia tem cerca de 1700 tigres e, embora os ataques sejam raros, a perda do habitat natural pode fazer com que os animais e os humanos habitem no mesmo espaço, colocando assim em perigo a vida dos habitantes.

Ambientalistas consideram que um tigre que já tenha consumido carne humana dificilmente conseguirá reintegrar-se no seu meio natural e que a solução mais eficaz a sua morte.