sábado, 21 de março de 2015

As abelhas estão a desaparecer

As abelhas estão a desaparecer

Na Europa, uma em dez abelhas estão na lista vermelha 

A União Internacional para a Conservação da Natureza acaba de divulgar uma ‘lista vermelha’ de espécies em sério risco de extinção e lançou o alerta quanto às abelhas. De acordo com a lista, um estudo com divulgação periódica, feito por especialistas em zoologia e conservação, 9% das quase duas mil espécies de abelhas estão ameaçadas e 5% podem entrar rapidamente em risco.

O relatório enfatiza a situação com outros números: na Europa, uma em dez abelhas estão na lista vermelha. A consternação não tem a ver apenas com uma redução na biodiversidade. O problema é que as abelhas são responsáveis pela polinização das plantas, essencial para o seu ciclo de vida e para as culturas agrícolas.

Para Jean-Christophe Vié, do Programa Global das Espécies daquela organização, o problema real deve ser maior. O estudo acabou por ficar incompleto, admitiu à BBC Online, devido a “uma alarmante falta de especialistas e de recursos”. E se, continua, “as abelhas desempenham um papel essencial na polinização das nossas culturas agrícolas”, pode ser a própria segurança alimentar a ser posta em causa no futuro.

Para os especialistas, o desaparecimento das abelhas deve-se a inúmeros factores de pressão ambiental, entre os quais as alterações climáticas, o uso intensivo de pesticidas nas culturas e a urbanização acelerada de algumas regiões na Europa.

fonte: Sol