sexta-feira, 9 de junho de 2017

Elefante selvagem mata 4 pessoas e espalha pânico em várias aldeias na Índia


Um elefante selvagem espalhou o pânico, na sexta-feira 02, em várias aldeias do sul da Índia, onde matou quatro pessoas, entre elas uma menina, obrigando o serviço florestal a ativar um dispositivo para tentar capturar ao animal.

"Vamos tentar pegar o elefante usando tranquilizantes. Neste momento ele descansa entre alguns arbustos, em uma área com poucas árvores", disse à Agência Efe, Rama Subrahmaniyam, do Departamento Florestal.

O elefante macho, que tem entre 12 e 15 anos de idade, deixou ontem à noite a floresta, cruzando uma estrada que costuma fazer de fronteira entre o seu habitat e os humanos, e acabou entrando nesta madrugada em uma aldeia cerca de 12 quilómetros da principal cidade da região, Coimbatore, no estado de Tamil Nadu, explicou Subrahmaniyam.

Na aldeia, o animal surpreendeu um pai e sua filha de 12 anos enquanto dormiam e matou a menina, antes de se dirigir até uma fazenda, e também matar um agricultor de 73 anos, assim como fez com duas idosas em outra aldeia.

"As mulheres se encontravam a quase 15 quilómetros da floresta mais próxima, por isso nunca suspeitaram que poderia aparecer um elefante. Ele atacou as duas, com elas ficando feridas com gravidade e morrendo em seguida no hospital", explicou.

O elefante, que quando for capturado será levado para um abrigo, estava no radar dos guardas-florestais desde a última quarta-feira, quando ao tentar cruzar a estrada e atacou dois funcionários do serviço florestal, que foram hospitalizados, mas estão fora de perigo.

"Os ataques foram muito estranhos, pois as pessoas nunca imaginaram que pudesse aparecer o elefante", disse Subrahmaniyam.

A Índia tem uma população de mais de 27 mil elefantes selvagens, cerca da metade de toda Ásia, enquanto que outros 3,5 mil espécies domesticadas vivem em cativeiro.

Os elefantes selvagens na Índia estão espalhados em 30 reservas que ocupam cerca de 65 mil km².

fonte: Yahoo!