terça-feira, 1 de setembro de 2015

Rússia antecipa em dois anos lançamento da próxima nave espacial tripulada

Rússia antecipa em dois anos lançamento da próxima nave espacial tripulada

Era só em 2021, mas a Rússia decidiu apressar a entrada em funcionamento da nova nave espacial tripulada que poderá ir à Lua ou à Estação Espacial Internacional.

"Acertámos com os construtores que vamos apressar, ou seja reduzir os prazos para desenvolver e produzir o primeiro protótipo desta nave espacial. É verdade que anunciamos 2021 como a data de produção e do primeiro lançamento da nave, mas pretendemos fazê-lo já em 2019 e acho que o vamos conseguir", disse o presidente da empresa espacial Energya, Vladimir Solntsev, durante o Salão Aeroespacial Internacional MAKS 2015.

Será uma nave do tipo vaivém, acrescentou, tendo revelado que poderá fazer pelo menos 10 voos.

Solntsev anunciou ainda diversas novidades que caracterizarão esta nave, nomeadamente quando comparada com a Soyuz, que agora é usada: mais um tripulante, do que os três da Soyuz, mais do dobro de metros cúbicos e 30 dias de voo autónomo.

fonte: TSF