segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Arqueólogos encontram misterioso "super-henge" perto de Stonehenge


Já lhe chamam "super" devido à escala: monumento do Neolítico tem quase 100 pedras dispostas em semicírculo. Veja o vídeo.

Arqueólogos britânicos encontraram quase uma centena de monólitos enterrados e dispostos em semicírculo, a três quilómetros de Stonehenge. A equipa acredita ter descoberto o que resta do maior monumento do Neolítico na Inglaterra, escondido debaixo da relva do "super-henge" de Durrington Walls.


Mapa da área, onde é possível ver a localização de Durrington Walls a nordeste de Stonehenge Fotografia © Geert Verhoeven / Birmingham University/PA

O monumento, que data de há 4500 anos, tem "uma escala extraordinária", dizem os investigadores do Stonehenge Hidden Landscapes Project . "Achamos que não há nada como isto noutro local do mundo. É completamente novo e a escala é extraordinária", disse Vince Gaffney, da Universidade de Bradford, citado pela BBC.

Algumas das pedras têm cerca de 4,5 metros de comprimento, mas só 30 estão intactas. Sobreviveram porque foram empurradas e ficaram soterradas pelo solo de Durrington Walls, escondidas durante milénios.

Até agora não se desconfiava que Durrington Walls poderia ter tido uma fase anterior com pedras erguidas, semelhante a Stonehenge, o que levanta questões sobre as pessoas que construíram estes monumentos e os seus objetivos, sublinham os investigadores. Seria uma espécie de arena ritual, mas, tal como Stonehenge, desconhece-se o seu propósito.