quarta-feira, 27 de maio de 2015

Canadiano bate recorde num hoverboard ao estilo 'Regresso ao Futuro'


Não é bem o skate voador do filme Regresso ao Futuro II, mas Catalin Alexandru Duru sobrevoou um lago, batendo por muito a antiga marca e avisou que a sua máquina atinge "altitudes assustadoras".

É certo que não é nada parecido com o skate voador de Marty McFly do filme Regresso ao Futuro II, mas a verdade é que quando se houve falar em hoverboard, para os fãs da saga é impossível não pensar imediatamente no famoso skate. E parece que se estará cada vez mais perto de algo parecido existir, ainda que o inventado pelo canadiano Catalin Alexandru Duru tenha uns propulsores para ajudar à deslocação (mais próximo do skate utilizado pela personagem Biff Tannen), bem diferente do hoverboard de Greg Henderson, esse sim, mais parecido com o de McFly.

Mas a ideia de Duru não é imitar nenhum filme, mas sim inovar e nada melhor do que um recorde mundial para publicitar a sua invenção. O canadiano escreveu o seu nome no livro de recordes do Guinness ao bater a distância percorrida num hoverboard. A marca situava-se nos 50 metros e até pareceu fácil chegar a essa distância e continuar até aos 275,9 metros, quando Duru caiu no lago Quareau, no Quebeque (Canadá).

Segundo o site do Guinness, Duru desenhou e construiu o hoverboard durante um ano, alegando que pode ser utilizado em qualquer lado e que pode atingir "alturas assustadoras". Nesta tentativa bem sucedida de entrar no Guinness, Duru chegou aos cinco metros. "Queria demonstrar que é possível ter um voo estável num hoverboard e que um humano pode controlá-lo com os pés", explicou Catalin Alexandru Duru.

Um porta-voz do Guinness salientou que o recorde é "um feito incrível no mundo da engenharia e dos transportes".