quinta-feira, 28 de maio de 2015

A mais "estranha" estrela da Via Láctea

A mais "estranha" estrela da Via Láctea

O telescópio Hubble encontrou características tão estranhas numa estrela da Via Láctea que esta recebeu o nome de "Nasty 1" (em português desagradável).

As características da "Nasty 1" são diferentes das outras estrelas desta galáxia.

Desde logo destaca-se o rápido e consistente envelhecimento da estrela, o que pode representar uma espécie de estágio transitório na evolução de estrelas extremamente massivas.

A estrela perde o hidrogénio da sua camada exterior muito rapidamente, deixando ver o núcleo de hélio super-quente e extremamente brilhante.

Os cientistas estão fascinados por aquilo que é designado por "canibalismo estrelar".

A estrela "Nasty 1" foi descoberta há algumas décadas, mas só agora o telescópio Hubble permitiu obter mais informações.

fonte: TSF