quarta-feira, 13 de maio de 2015

CUBA TEM A CURA PARA O CANCRO DO PULMÃO E OS ESTADOS UNIDOS QUEREM-NA


Um dos principais institutos de investigação médica dos Estados Unidos, o Roswell Park Cancer Institute, acaba de fechar uma parceria com Cuba para investigar uma vacina contra o cancro do pulmão produzida em território cubano e levá-la para testes nos Estados Unidos.

Cuba terá, há vários anos, uma vacina terapêutica promissora contra o cancro do pulmão. Porém, o embargo comercial de 55 anos conduzido por Washington impediu que a descoberta fosse desenvolvida e exportada.

Os dois países assinaram um acordo sobre esta vacina nos últimos dias durante uma missão do governador de Nova Iorque, Andrew Cuomo, àquele país comunista, avança a Wired Magazine.

O Centro de Imunologia Molecular de Cuba autorizou assim que os Estados Unidos investiguem e aprovem a comercialização da vacina, que a ser feita estará a cargo da Food and Drug Administration (FDA).

A terapêutica, designada Cimavax, foi lançada em Cuba em 2011 e é aplicada gratuitamente no sistema público de saúde, escreve o Washington Post.

A vacina destina-se a pacientes com cancro do pulmão em fase terminal. O antídoto incentiva o sistema imunitário a produzir uma proteína designada EGF que combate o alastramento do tumor e o aparecimento de metástases.

Espera-se que, se os resultados se comprovarem, a FDA aprove a vacina no espaço de oito meses.

A Cimavax é terapêutica, não serve assim para prevenir o aparecimento deste tipo de cancro.

fonte: Sapo Lifestyle