terça-feira, 11 de agosto de 2015

Com este não fazia arroz de tamboril...

Com este não fazia arroz de tamboril...

Esta variedade de tamboril, encontrado no fundo do Golfo do México, assusta qualquer um: pelos dentes e pelo "periscópio" que lhe sai da cabeça. Uma coisa é certa: pouco ou nada se sabe sobre este peixe.

A National Geographic conversou com a cientista que pela primeira vez viu esta variedade de tamboril do fundo dos mares, chamada de "Lasiognathus dinema", em 2011. O tempo passou e além do que foi registado então mais nada se soube de um dos peixes mais estranhos que se conhecem.

Tracey Sutton, especialista em peixes na New Southeastern University (Flórida) diz que não teve dúvidas de que era algo de novo, muito diferente do que se conhecia. "Nem sequer parecia um peixe real, antes algo saído de um sonho mau ou qualquer coisa do género".

O que mais distingue o "Lasiognathus dinema" são os dentes na ponta do focinho, que se projetam na água para apanhar as presas. Mas nunca ninguém viu como se alimenta.

Quanto ao "periscópio" no topo da cabeça, também não há qualquer indicação da sua utilidade.


fonte: TSF