terça-feira, 18 de agosto de 2015

Cassini faz última tentativa para compreender "enigma" de Dione

Cassini faz última tentativa para compreender "enigma" de Dione

Dione vista da Cassini em junho de 2015

A sonda Cassini faz hoje o último voo rasante sobre uma das luas de Saturno que mais intriga os cientistas, Dione.

A Cassini vai passar a menos de 474 quilómetros da superfície gelada de Dione, naquele que será o quinto e último voo rasante em busca de sinais de atividade geológica.

"Dione continua a ser um enigma, já que temos pistas de processos geológicos ativos, inclusivamente evidências de vulcões de gelo, mas nunca encontramos a arma fumegante", disse Bonnie Buratti, da equipa de cientistas no Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa (JPL), na Califórnia.

A Cassini segue de Dione para outras luas até o fim deste ano. Depois começará a preparar o seu fim, que acontecerá quando se lançar na atmosfera de Saturno (aponta-se para setembro de 2017).

A Cassini foi projetada para durar quatro anos, mas está há mais de 10 na órbita de Saturno.

fonte: TSF