segunda-feira, 17 de julho de 2017

Em breve vai ser possível 'ver' outras dimensões do Universo


Os pesquisadores do Instituto Max Planck de Física Gravitacional, na Alemanha, descobriram uma forma de detectar as vibrações das ondas gravitacionais de outras dimensões, segundo um artigo publicado na revista especializada Journal of Cosmology and Astroparticle Physics.

O estudo, realizado pelos investigadores Gustavo Lucena Gómez e David Andriot, foi baseado na chamada teoria das ondas gravitacionais, segundo a qual qualquer acontecimento espacial de grande escala, como uma colisão de dois buracos negros, provoca flutuações na gravidade da Terra.

Os autores do estudo também afirmam que no Universo existem várias outras dimensões, que não podem ser detectadas porque são demasiado pequenas. No entanto, graças à capacidade das ondas gravitacionais de capturar flutuações mais fracas, poderemos "ouvir" as mudanças nas outras dimensões através de um potente detector de ondas.

O Observatório de Deteção de Ondas Gravitacionais LIGO (Laser Interferometer Gravitational-Wave Observatory, em inglês), localizado nos EUA, ainda não é capaz de "ouvir" as flutuações destas dimensões invisíveis. Porém, cientistas italianos e franceses estão trabalhando na criação de um novo detector, denominado VIRGO, que poderá fazê-lo. Além disso, está sendo preparada uma missão espacial LISA (Laser Interferometer Space Antenna, em inglês) que permitirá detectar as ondas gravitacionais a partir do espaço.

fonte: Sputnik News

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...