sábado, 8 de março de 2014

O festival do deus Shiva


Os hindus festejam o Maha Shivratri, a festa religiosa que celebra o casamento de Lorde Shiva, o destruidor, com a deusa Parvati

No final de Fevereiro, os hindus prestam homenagem ao Lorde Shiva, um dos deuses com mais devotos na Índia. Lorde Shiva é o terceiro elemento da trindade do hinduísmo, composta por Lorde Brahma (o criador) e Lorde Vishnu (o protector). 


Durante o dia, realizam-se procissões junto aos templos onde as crianças participam mascaradas de demónios. Os hindus jejuam - alguns comem apenas fruta e bebem leite - porque acreditam que assim serão absolvidos dos seus pecados.


Um homem mascarado de Lorde Shiva abre a procissão de Maha Shivratri em Jammu, na Índia.


Em Kathmandu, no Nepal, os homens santos pintam a cara em honra de Lorde Shiva.


No dia de Maha Shivratri, os hindus vão rezar aos templos dedicados a Shiva e levam potes com água como oferenda. 


No Nepal, os homens santos cobrem o corpo com cinza e meditam junto ao templo de Pashupatinath, em Kathmandu.


Na Índia, o Lorde Shiva, deus da destruição, é apresentado com uma coroa e um tridente.


Os hindus acreditam que no dia de Shivratri Lorde Shiva casou-se com a deusa Parvati, que é personificada pela mulher transportada na liteira. A deusa Parvati é adorada pelas mulheres casadas. Elas pedem à deusa um casamento tão feliz quanto o da deusa com o Lorde Shiva.


Uma das crenças hindus conta como Shiva impediu os demónios de queimarem o fundo do oceano à procura do néctar divino.


No dia de Maha Shivratri os hindus despejam água sagrada e leite sobre o Ídolo de Nandi, a vaca montada por Shiva.

fonte: Sábado