sábado, 1 de agosto de 2015

Expedição encontra 13 novas espécies de aranha na Austrália


Não restam dúvidas de que a Austrália é um país fascinante e cheio de belezas. Entretanto, quem pretende se aventurar por aquelas bandas precisa ter em mente que as terras australianas também servem de lar para uma série de bichinhos pra lá de assustadores.

De aves superagressivas, passando por águas-vivas e peixes incrivelmente venenosos, cobras mortíferas, morcegos virulentos, crocodilos aterrorizantes, polvos sinistros, e cangurus musculosos e briguentos, na Austrália abundam animais perigosos. Isso sem falar nas aranhas! São mais de 6,6 mil espécies diferentes, e algumas das mais venenosas do mundo se encontram por lá.


Uma das aranhas encontradas pela equipa

Aliás, de acordo com o portal The Guardian, na falta de bichos ameaçadores, um time de voluntários formado por cientistas, professores e guardas acaba de descobrir nada menos do que treze — sim, caro leitor, 13! — novas espécies de aranha em Cape York, uma área pouco explorada de Queensland, estado que fica no nordeste do país.

Segundo a publicação, a expedição teve duração de 10 dias, e como o solo no local onde as aranhas foram descobertas se encontra muito endurecido, e a equipe teve que usar facas para conseguir cavar e acessar o esconderijo dos aracnídeos.


Olha outra aranha descoberta pela equipa

O esforço valeu a pena, já que além de tarântulas enormes — do tamanho da mão de um humano adulto —, os voluntários também encontraram um novo integrante da família Barychelidae, da qual a maioria das espécies constroem tocas com armadilhas em forma de alçapão. E você, caro leitor, se voluntariaria para cavoucar o chão em busca de aranhas?

fonte: Mega Curioso