sábado, 18 de dezembro de 2010

Os buracos negros pressentem o perigo


Estudos recentes pareciam indicar que os buracos negros podiam ser destruídos por uma bala certeira, agora, uma equipa do Instituto Superior Técnico vem demonstrar que essa conjectura está errada, os buracos negros pressentem o perigo, encolhem-se e desviam-se da morte.

Há um ano, dois investigadores mostraram que aparentemente os buracos negros poderiam ser destruídos com uma bala certeira dirigida ao seu coração.

Esta conjectura vem agora ser contestada por três investigadores do Técnico, que avançam que os buracos negros conseguem salvar-se, desviando-se da bala. Defendem que as estruturas 'sustêm a respiração' e que a bala passa à tangente sem os atingir.

A astronomia recolheu uma grande quantidade de dados que mostram que o universo é habitado por muitos destes buracos, que são responsáveis por uma grande variedade de fenómenos astrofísicos. Os cientistas consideram-nos como peças básicas do nosso universo.

fonte: Sol

Sem comentários:

Publicar um comentário