sábado, 14 de abril de 2012

Cinco histórias de fantasmas do Titanic


No Domingo, 15 de abril, será o centésimo aniversário do naufrágio do RMS Titanic.Enquanto a história da tragédia do infortunado transatlântico ocupa as manchetes, há também outro tipo de histórias: Histórias de fantasmas. Confira essas histórias assustadoras sobre o Titanic.


Logo após a tragédia do Titanic, as equipas de busca e salvamento recuperaram 328 vítimas do navio, 209 corpos ficaram temporariamente na Snow & amp; Co. Funeral Parlour em Halifax, Nova Escócia. 

De acordo com a Encompass Magazine, a funerária é agora o Restaurante Five Fisherman, e a roldana original usada para içar os cadáveres do Titanic para o nível superior do prédio ainda está pendurada no teto da adega de vinhos. 

Hoje, acontecimentos bizarros, como vidros a voar das prateleiras, e talheres a cair no chão quando ninguém está por perto, são ocorrências comuns no restaurante. 

O gerente Gary MacDonald disse sobre os fantasmas do edifício: "Não é possível ignorar os fantasmas, deve reconhecê-los ou eles vão se fazer presentes".


Em 2008, o Atlanta Constitution Journal publicou uma história sobre o Aquário da Geórgia depois da exposição "Titanic Aquatic" exibida por lá. 

Vários voluntários do aquário relataram encontros estranhos quando trabalharam na exposição, que contou com centenas de artefactos relacionados com o Titanic.

A equipa do aquário trouxe investigadores paranormais, que determinaram que a exposição Titanic era de facto assombrada.


Segundo o San Francisco Chronicle, na década de 1990 um homem de San Francisco chamado Jaime Rodriguez alegou que ele e a família estavam a ser assombrados por um fantasma, um sobrevivente do Titanic que morou em seu apartamento. 

Mas o ex-morador, o Dr. Henry Washington Dodge não era considerado um herói do Titanic. Enquanto o Dr. Dodge afirmava que chamou mulheres e crianças para tomar um lugar no bote salva-vidas que abrigava a sua esposa e o filho naquela noite fatídica, ele subiu no bote, e enfrentou o julgamento público pelo resto de sua vida. 

Depois de sofrer um processo e uma perda financeira, ele caiu em depressão e cometeu suicídio com um tiro na cabeça na cave de seu apartamento em San Francisco em 1919. Seu fantasma apareceu no apartamento nos verões seguintes por anos, e sempre no mesmo local.

A lendária socialite Margaret "Molly" Brown sobreviveu ao naufrágio do Titanic, mas sua casa em Denver seria o local de alguns acontecimentos inusitados. 



De acordo com o blog Mysterious Colorado, esquisitices paranormais ocorrem regularmente no Molly Brown House Museum, em Denver, incluindo movimentos de mobília e avistamentos dos fantasmas de Molly e seu marido James Joseph Brown. 

Avistamentos da mãe de Molly numa janela do segundo andar também foram relatados, assim como odores misteriosos, que seriam do tabaco de Joseph Brown e do perfume de rosas favorito de sua esposa.



Neil e Louise Bonner

De acordo com o Daily Mail, a casa na Inglaterra em Stoke-on-Trent onde o capitão do Titanic nasceu e morou até a adolescência também tem uma história assustadora de aparições. 

Os proprietários, o casal Neil e Louise Bonner, estão convencidos de que viram o fantasma do comandante do navio. O casal alugou o imóvel por uma década. Antigos inquilinos relataram também uma misteriosa inundação na cozinha e um frio glacial na sala de jantar.

Fonte: Yahoo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...