terça-feira, 8 de novembro de 2016

Bomba atómica perdida pelos EUA pode ter sido encontrada na costa do Canadá


A Marinha do Canadá está verificando a recente notícia de que uma bomba atómica perdida pelos EUA em 1950 pode ter sido encontrada junto à costa do Pacífico do país, relata The Guardian.

Anteriormente, a imprensa canadense havia divulgado a informação de que um mergulhador Sean Smyrichinsky se deparou com um estranho objecto em formato de OVNI junto ao arquipélago Haida Gwaii. Habitantes locais, no entanto, acreditam que o homem pode ter encontrado a bomba atómica americana Mark 4, perdida pelos EUA. 


© WIKIPEDIA / US GOVERNMENT Bomba nuclear Mark 4, perdida pelos EUA em 1950 

Em fevereiro de 1950, durante uma missão de treinamento na região, a tripulação do bombardeiro estratégico Convair B-36, da Força Aérea dos EUA, foi forçada a lançar uma bomba atómica ao mar e a abandonar a aeronave após três de seus cinco motores terem pegado fogo por motivos não esclarecidos. De acordo com o governo americano, no entanto, a bomba não estava equipada com uma carga de plutónio.​

De acordo com The Guardian, após analisar imagens de arquivo da Mark 4 na internet, o mergulhador encontrou grandes semelhanças com o objeto encontrando por ele e decidiu reportar sua descoberta directamente ao Ministério da Defesa do Canadá.

Perplexos, os militares canadenses concordaram investigar o caso e agora planeiam enviar navios da Marinha para a região apontada pelo mergulhador. Os especialistas pretendem descobrir se o objecto apresenta alguma ameaça para decidir se o mesmo terá que ser içado do fundo do mar.

fonte: Sputnik News