segunda-feira, 18 de julho de 2016

Forças malignas matam caça-fantasmas na Índia?



A polícia indiana está tentando desvendar o mistério da morte instantânea de Gaurav Tiwari, o investigador paranormal mais conhecido do país.

Gaurav Tiwari foi encontrado morto no banheiro uns dias atrás. Os membros da sua família afirmam que estavam ocupados arrumando a casa, quando de repente ouviram um som surdo no banheiro. Quando eles quebraram a porta, encontraram Tiwari deitado no chão, sem consciência. Ele foi levado ao hospital, onde foi constatado que ele já estava morto.

Segundo a mídia, a mulher de Tiwari disse que, alguns dias antes da morte, o marido se queixou que uma força maligna desconhecida estava tentando puxá-lo e que ele não conseguia resistir. Porém seus país informaram que Tiwari não sofria de depressão que pudesse levá-lo ao suicídio. 

A investigação da morte extraordinária foi iniciada pela polícia de Deli. O resultado preliminar da autópsia revela que ele se suicidou, mas a polícia ainda não sabe a causa que o forçou a tomar essa medida extrema. 

Segundo informou à Sputnik o policial-chefe que investiga o caso, "ninguém entrou na casa de forma hostil, estavam em casa somente os pais e a esposa do falecido. Os pais e a esposa não têm dúvidas em relação a ninguém e não têm suspeitas. Estes são os quatro pontos que foram anotados durante a nossa investigação. A mulher dele nos falou das 'forças negativas', mas nós não podemos investigar nesta direção. O único traço no pescoço nos leva a acreditar que foi um suicídio. Esses são os fatos, o resto é ficção".

De acordo com o website da Sociedade Paranormal da Índia, Gaurav Tiwari, piloto de sua profissão, esteve em 6000 locais "frequentemente visitados" e investigou invasões, "sequestros por objetos voadores não identificados" e "criaturas misteriosas".

Segundo o perfil de Tiwari no seu Twitter, ele também era "hipnotista espiritual, hipnotista da vida, hipnotista de relações, hipnotista-consultor, bem como pesquisador paranormal de objetos voadores não identificados". 

Tiwari, junto com sua equipe de investigadores paranormais, afirmou que eles descobriram fantasmas usando dados científicos. O equipamento por eles utilizado inclui medidores EMF para detectar campos eletromagnéticos, termómetros de laser infravermelhos para fixar mudanças rápidas na temperatura (espíritos pegam energia do ambiente) e dispositivos que gravam vozes fora do corpo. Além disso, Tiwari participou em vários programas de TV apresentando atividades paranormais.

fonte: Sputnik