sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

O aspeto é estranho, nada mais


Os cientistas esclareceram o mais depressa possível que o "monstro marinho" que crescia nas redes sociais era afinal um peixe relativamente comum na Nova Zelândia.

Maria Lombard contou, nas redes sociais, que apanhou um valente susto quando viu (o que resta d)este animal na praia de Waitarere.

De imediato enviou as fotos para o Museu Te Papa Tongarewa.

Enquanto não chegou a resposta, sucederam-se as mais variadas especulações, mas os biólogos marinhos do museu neozelandês esclareceram (também via Twitter) que se trata do esqueleto de um peixe Dipturus innominatus, pelos vistos vulgar na região, e conhecido localmente por "smooth skate".

fonte: TSF

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...