quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Aranha com ereção há 99 milhões de anos


Aracnídeo com cerca de dois milímetros apresenta ereção com quase metade do seu tamanho

Descoberta insólita feita em Myanmar.

O jornal científico The Science of Nature anunciou a descoberta de um fóssil de Halitherses grimaldii, antepassado dos opiliões (espécie de aranha conhecida pelas longas pernas), com 99 milhões anos. Curiosamente, este animal preservado em âmbar foi fossilizado com uma ereção com quase metade do seu tamanho total (cerca de 0,2 centímetros). 

"Devia estar em fase de acasalamento para ter ficado assim, pobre animal", comentou Ron Clouse, do Museu Americano de História Natural, à revista National Geographic. Ao contrário de grande parte das espécies de aranhas e escorpiões, em que uma das penas se transformou num aparelho de inserção de esperma nas fêmeas, os opiliões têm pénis verdadeiros. 

Este novo fóssil é o primeiro a captar o órgão genital do aracnídeo e um dos que mantém o animal em melhor estado de preservação. Os cientistas esperam que o estudo do Halitherses grimaldii traga novas conclusões sobre a reprodução das aranhas (que existem há cerca de 400 milhões de anos) e a forma como se desenvolveram e espalharam pelo globo, desenvolvendo mecanismos de sobrevivência muito específicos.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...