segunda-feira, 14 de abril de 2014

Primeiro eclipse total da lua do ano invisível em Portugal


Fotografia © João Girão/Global Imagens

O primeiro eclipse total da Lua deste ano vai ocorrer na terça-feira, mas não será visível em Portugal, porque à hora que começar a Lua já se pôs, informa o portal do Observatório Astronómico de Lisboa.

Na terça-feira, a Lua põe-se às 07:01, hora a que nasce o Sol.

O eclipse total da Lua, que pode ser observado a partir do leste da Ásia, da Austrália, da Oceânia, das américas do Norte e Sul, da Antártida, da África Ocidental e dos oceanos Pacífico e Atlântico, é um fenómeno astronómico que corresponde ao momento em que a Lua, em fase de Lua cheia, "atravessa completamente a sombra da Terra".

Durante um eclipse total, na maioria das vezes, a Lua adquire uma tonalidade que pode variar entre amarelo-escuro e vermelho-alaranjado vivo, ou mesmo cor de cobre.

Segundo o Observatório Astronómico de Lisboa, "as diferentes tonalidades num eclipse lunar podem demonstrar o estado de saturação da atmosfera" terrestre "com poeiras provenientes de atividade vulcânica recente ou de fenómenos meteorológicos de grande dimensão".

Quanto "maior for a quantidade de poeiras existentes na atmosfera, mais escuro será o eclipse e a coloração da Lua", adianta o Observatório.

Um novo eclipse total da Lua volta a acontecer, este ano, a 08 de outubro, mas também não será visível em Portugal.