sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

"Um presente do céu" em Taiwan. Arco-íris foi visível durante quase nove horas e pode entrar no Guinness


Professores em Taiwan afirmam ter testemunhado um arco-íris perfeitamente visível durante cerca de nove horas e planeiam que este fenómeno seja considerado um recorde mundial, diz o The Guardian.

O arco-íris durou oito horas e 58 minutos nas montanhas à volta de Taipei, de acordo com Chou Kun-hsuan, professor da Chinese Culture University.

Chou, juntamente com o colega Liu Ching-huang, documentou o arco-íris que apareceu no final de novembro, reunindo estudantes para fotografá-lo de todos os ângulos. Os professores estavam originalmente a observar o arco-íris para testar uma teoria de que as faixas de luz desciam com o passar do tempo.

"Foi incrível ... Parecia um presente do céu ... É tão raro", disse Chou à BBC . "Quando passámos o recorde anterior depois de passar seis horas, quase não conseguimos ficar sentados para o almoço". 

A combinação de monções sazonais 'atrapalhando' o ar húmido, a falta de ventos fortes e o céu parcialmente nublado permitiu que o arco-íris fosse visível por tanto tempo. A humidade formou nuvens e causou um fluxo constante de chuva, mas ainda havia muita luz do sol. Assim, a luz solar que passa pela chuva e a humidade no ar cria o fenómeno, mas apenas quando visto do ângulo correto.




Want to see the longest #rainbow? KunHsuan Chou, professor at Chinese Culture University in #Taiwan, registered a that lasted more than 6 hours (27 and 30 Nov 2017) HT @weatherrisk #WorldRecord

Chou planeia candidatar o sucedido ao Guinness World Records, como o arco-íris visível mais longo do mundo. O fenómenos anterior com maior duração durou seis horas e foi visto no Reino Unido, em março de 1994.

"Com as 10.000 fotos que tirámos no nosso departamento e muitas mais tiradas por outros no campus e por pessoas que vivem nas proximidades, estou confiante que podemos provar que este arco-íris durou nove horas", disse Chou. O arco-íris foi registado desde as 06h57 até às 15h55.

fonte: SAPO 24