quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

Homem diz ter perdido a virgindade com extraterrestre


Homem diz ter a virgindade com extraterrestre





Homem pinta quadros com extraterrestres

David Huggins, um reformado e divorciado, de 74 anos, natural de Geórgia, nos EUA, afirma que perdeu a virgindade com uma extraterrestre, quando tinha 17 anos, e teve centenas de filhos, não só com ela, mas com outras alienígenas. O homem diz que é visitado por uma comunidade de "seres", como lhes chama, desde os oito anos de idade. 

De acordo com os relatos de Huggins ao jornal britânico Daily Mail, o seu mais recente encontro íntimo com uma mulher extraterrestre ocorreu "lá", no sítio que ele descreve como vago e inexplicável. E, rapidamente, sem se dar conta, já tinha voltado para a sua cama, em Hoboken. Segundo Huggins, os bebés, filhos dele e das alienígenas, permaneceram "lá" e ele não tem contacto com eles. 

O realizador Brad Abrahams entrevistou Huggins para o seu documentário 'Love and Saucers'. O filme fala sobre a experiência alienígena do reformado de Geórgia. "Ouvir estas coisas da boca de um homem que parece tão terra-a-terra e tão normal. A maneira como ele fala sobre isto é uma verdadeira dicotomia. Isto desarma-te, deixa-te aberto para o escutares como outro ser humano, não como alguém desequilibrado", contou o realizador britânico ao Daily Mail. 

David Huggins pintou mais de 100 quadros que descrevem as suas experiências com "seres" de outro mundo. Crescent, nome dado pelo homem à alienígena que lhe tirou a virgindade e com quem gerou centenas de filhos, é uma das personagens principais das pinturas.